Ao meu redor, a realidade é tão autêntico que faz-me pensar a possibilidade de "um dia", a ficção mostrada em nossos livros, estórias, desenhos, filmes e muitas outras etapas culturais, irá se profetizar. Ora! Claro!! Nem tudo é possível ou mesmo impossível. É o mesmo que imaginar e inventar para torná-lo real. Tenho debatido isso nos meus desenhos! Imaginar o impossível, descrever a realidade "se eu fazer desta maneira". Sobre o olhar da nossa história, povos e crenças, estudar e entender as coisas, o meio e a vida, irei descrever nos meus traços artísticos. Criei esta Blog para exibir o que penso e divulgo nos meus desenhos, falar das minhas estórias de quadrinhos, expôr os meus trabalhos de tela dentre outros conhecimentos sobre o mundo das artes contemporâneas.

sábado, 4 de fevereiro de 2017

CADERNOS ESCOLARES DE EXCLUSIVIDADE ANGOLANA


Cadernos a Venda em todos os Balcões da Imprensa Nacional- EP © Direitos reservados. Ilustração, Carnot Júnior © Direitos de Imagem


A ARTE EM CADERNOS ACADÉMICOS DE ANGOLA

Os cadernos escolares, sempre representaram diversos subtemas nas capas, na maioria figuras públicas. Elaborar um contexto ou um conceito em capas de cadernos deve ser atrativo e educativo.

Neste projecto, a ideia de mostrar emblemas de Angola, ou seja de etnias, mitos e figuras de animais, é valorizar e acrescentar conhecimento sobre a nossa vasta cultura. Existe muito por mostrar mas, desta vez, só deu para conceber 4 figuras selecionadas com precisão.

Afinal qual é o significado de cada um destes cadernos;
  1. PEQUENA SEREIA "KIANDINHA LOY" - Loy, é uma personagem de uma estórias inédita de aventuras no fundo do mar! Baseada no mito da Kianda.
  2. MULHER BAKAMA - Ideia extraido da cultura cabindense. Os Bakamas são grupos culturais com seitas próprias, localizados na província de Cabinda. Existiam, segundo a história, quatro conhecidos grupos de Bakamas, que são os do Tchizo, do Tchinzazi, do Susu e do Ngoyo.
  3. PALANCA NEGRA GIGANTE - É um dos símbolos nacionais de Angola, e os angolanos têm grande respeito por este animal, onde segundo a mitologia africana simbolizam a vivacidade a velocidade e a beleza (Wikipédia). Para além do animal foram padronizadas ornamentos culturais sobre o fundo com as cores quentes, idealizada nas cores da Bandeira nacional.
  4. PARQUE SUNSET "PAI E FILHO" - Siluetas de uma família sobre o por do sol.
Estes cadernos são vendidos nos Balcões da Imprensa Nacional de Angola.

Aligator!

Sem comentários:

Enviar um comentário